Como verificar a quilometragem de um carro pelo pneu

O post anterior informou sobre alguns cuidados que devemos tomar para tentar evitar a compra de carros usados com quilometragem adulterada. Dentre estes cuidados foi citada a possibilidade de se verificar de forma aproximada a quilometragem percorrida por um carro através de informações contidas nos pneus.

Sendo esta forma de checagem realmente bastante útil, vamos especificar agora, o local e a informação que deve ser verificada afim de se conhecer a data de fabricação do pneu (para saber quantos anos ele tem) e poder assim estimar quantos quilometros já foram rodados pelo carro, considerando que roda-se uma média de 15 mil quilômetros por ano.

Informações no costado do pneu - Imagem: GoodYear

O último conjunto de números que aparece na imagem trás a informação da data de fabricação do pneu. No exemplo da imagem acima onde aparece o número 3901, o 39 representa a semana e o 01 o ano de fabricação do pneu, ou seja, foi fabricado na 39ª semana de 2001.

Sendo assim, se tomarmos por base a data de 15 de janeiro de 2010, ao encontrarmos um pneu com a informação referente a data de fabricação igual à 0206, podemos concluir que este pneu foi fabricado na 2ª semana do ano de 2006 e que tem 4 anos de fabricado e ainda, que o carro onde está montado este pneu deve ter rodado aproximadamente 60 mil quilômetros (4 anos x média de 15 mil Km/ano).

Contudo, esta mesma análise pode ser feita com base no ano de fabricação do automóvel, informação esta que por vezes é bem mais acessível do que a informação do pneu. Neste sentido, suponhamos que estou interessado num carro ano 2006, como este carro tem 4 anos de “vida”, multiplicando pela quilometragem média por ano, encontramos novamente os prováveis 60 mil quilômetros rodados (4 anos x média de 15 mil Km/ano).

Mas atenção, ainda sim, os pneus podem nos salvar de problemas. Digamos que você está interessado num carro usado ano 2005, com base nesta data podemos concluir que o carro tem 5 anos de “vida” (tomando como base o ano presente de 2010), logo sua quilometragem deve estar próxima à 75 mil quilômetros rodados (anos de “vida” do carro x quilometragem média). Mas, no entanto o hodômetro do carro está indicando apenas 40 mil quilômetros rodados e o vendedor informou que este carro era de um médico que “rodava” pouco. Até aí tudo bem, mas podemos verificar agora através dos pneus se existe chance desta informação não ser verdadeira, da seguinte forma:

Se o carro realmente só tiver 40 mil Km rodados ele ainda deve estar com os pneus originais (para um uso moderado os pneus duram em média 50 mil Km), cujo o ano de fabricação provavelmente deve coincidir com o ano de fabricação do carro. Contudo se você verificar o ano de fabricação do pneu e ele for muito mais recente do que o ano de fabricação do carro, 2008 ou 2009 por exemplo, indicando que os pneus foram trocados devido ao desgaste por terem rodado provavelmente mais do que 40 mil Km (talvez 60 mil ou 70 mil) , então você deve desconfiar da adulteração da quilometragem indicada no hodômetro, desistir deste veículo e procurar outra revenda.

Mas lembre-se, é preciso entender que esta verificação não é determinante, pois os pneus podem ter sido trocados por outras circunstâncias, ou terem sido trocados por pneus fabricados no mesmo ano que o carro, entre outras situações possíveis. Porém de qualquer forma qualquer dessas situações são pouco prováveis e torna a chance de fraude muito grande. E como não faltam carros usados no mercado, então porque arriscar?  Procure outro que não lhe deixe com nenhuma “pulga atrás da orelha”.

Esta entrada foi publicada em Como comprar com as etiquetas . ligação permanente.

2 respostas a Como verificar a quilometragem de um carro pelo pneu

  1. Thalita diz:

    Muito boa a dica, com certeza podemos utilizá-la para certificar a coerência nas informações dos vendedores/revenda.

  2. denisdimelo diz:

    Com relação ao pnel goodyear eu indentfiquei no meu carro esta data, mais já no pnel bridgestone não encontrei nada que informasse a data do mesmo, o que fazer em relação a este???

    obs: muito boa a dica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s